Pixi.

Pixi is a creative multi-concept WordPress theme will help business owners create awesome websites.

Address: 121 King St, Dameitta, Egypt
Phone: +25-506-345-72
Email: [email protected]

5 maneiras de melhorar a user journey no e-commerce

  • Por Josele Delazeri
  • 9 de julho de 2021
  • 0 Comentários
  • 122 Visualizações

 

5 maneiras de melhorar

a user journey no e-commerce

Primeiramente, como consumidor ou empreendedor de um e-commerce.

Principalmente, você já experimentou a user journey de e-commerce.

Se você deseja melhorar a experiência de seus clientes, cultivar uma conexão com eles.

Por fim, aumentar as vendas e a retenção no e-commerce, personalizar a user journey é essencial.

Assim sendo, o mapeamento de jornada no contexto do e-commerce está apenas começando.

Também, é um campo muito específico para mapeamento de jornada. 

Inclusive, embora seja fácil mostrar como os clientes fluem pelas páginas da web.

Por outro lado, a user journey é diferente. 

Certamente, a análise da user journey pode ajudar você a entender como os visitantes chegam ao seu e-commerce.

Enfim, o que os incentiva ou impede de fazer uma compra e como podemos fomentar a lealdade.

Posso ter sua atenção, por favor

Desde já, posso ter sua atenção, por favor? Estatisticamente falando … provavelmente não.

Nesse sentido, claro, quem pode culpá-los? 

Naturalmente, com todo o barulho online de hoje, é difícil chamar a atenção de alguém. 

Isto é, transformar essa atenção em um relacionamento de longo prazo com o cliente pode parecer impossível.

Acima de tudo, quando você está operando em grande escala.

Principalmente, o mercado de e-commerce está crescendo a um ritmo sem precedentes. 

Primordialmente, com tantas lojas online, surgindo todos os dias.

Sobretudo, ficar à frente da concorrência está cada vez mais difícil. 

Então, como você se mantém em um ambiente tão rápido e competitivo?

 

via GIPHY

Etapa 1: descoberta

Sobretudo, o cliente fica sabendo sobre seu produto. 

Por exemplo, encontrei um e-commerce que vende joias com materiais nobres!

Então, nesse estágio, você pode saber de onde vêm os clientes, o que os trouxe ao seu site.

Também, em quais páginas eles estão acessando e navegando.

Bem como, o caminho que os levou de uma página a outra. 

Enfim, esta é uma oportunidade de aprender o que os novos clientes precisam.

Logo, o que eles procuram no seu e-commerce.

Páginas personalizadas

Etapa 2: crie páginas iniciais personalizadas

Portanto, este tipo de personalização é adequado para usuários existentes. 

Por isso, quando um cliente estiver conectado à sua conta.

Consequentemente, você poderá fornecer páginas de boas vindas que destacam as ofertas.

Deste modo, os itens com maior probabilidade de interesse para aquele indivíduo.

Etapa 3: criando o mapa da user journey para e-commerce

De fato, não existe um mapa da jornada do cliente sem um cliente. 

Portanto, temos que pensar em quem é nosso cliente – ou deveria ser.

Em vista disso, a primeira etapa é criar uma persona que represente esse grupo alvo.

Com efeito, de uma forma centrada no cliente. 

Logo, definir uma persona pode ajudar você a ter mais foco.

 

via GIPHY

Pontos de contato

Etapa 4: Estabelecer pontos de contato e ações

A princípio, depois que as etapas no mapa da journey user forem claramente definidas.

Então, você precisará estabelecer quais ações seus clientes deverão realizar em cada etapa. 

Enfim, sua empresa precisa prestar mais atenção ao conceito emergente de “design de experiência do cliente”. 

Logo, quer você perceba, pretenda ou não, sua empresa já tem um “design de experiência do cliente”.

Imediatamente, o processo e os sistemas que estão em vigor para gerenciar as necessidades de seu cliente.

Bem como, responder a perguntas e orientá-lo durante o processo de vendas. 

Por fim, a questão é: você tem um bom design de experiência do cliente? 

Frequentemente, identifique os encontros que acontecem entre sua empresa e os clientes em cada estágio. 

Não raro, a página inicial do site, a página de checkout, o agente de atendimento ao cliente, o pacote, etc. 

Simultaneamente, isso o ajudará a conhecer os que precisam ser melhorados.

Conforme, e a se livrar daqueles que levam seus clientes direto aos concorrentes. 

Visto que, para cada ponto de contato, considere as ações que seus clientes precisarão realizar e plote-as no mapa de jornada.

Etapa 5 – Conhecimento

Em síntese, quando um cliente atende a uma necessidade e encontra sua marca de alguma forma.

Dessa forma, ele entrou no estágio de reconhecimento.

E-commerce não é apenas comprar online

Em suma, o e-commerce não é apenas comprar online. 

Em outras palavras, é uma nova forma de fazer as coisas, de interagir com produtos e marcas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.