aguarde...

Pixi.

Pixi is a creative multi-concept WordPress theme will help business owners create awesome websites.

Address: 121 King St, Dameitta, Egypt
Phone: +25-506-345-72
Email: [email protected]mail.com

Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping?

  • Por Equipe Get Commerce
  • 18 de setembro de 2017
  • 0 Comentários
  • 1149 Visualizações

Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping? Esta é uma pergunta frequente para quem está planejando otimizar seu estoque 🙂

Quem já possui uma loja física ou virtual sabe que manter uma logística organizada é fundamental para o sucesso. Além de evitar gastos desnecessários ajuda a manter os clientes satisfeitos.

Mas como assim… o que tem a ver os clientes com o estoque?!
Imagine você criar uma campanha de marketing para o natal e as vendas bombarem!! A aceitação do produto é ótima. Mas você percebe que só possui um nível de estoque pequeno. E a reposição do produto é uma tarefa que demanda dias de espera. Embora você tenha tido um sucesso nas vendas, fica a sensação que poderia ter sido muito melhor se tivesse mais estoque na loja.

Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping? Eis que começa a surgir a questão

E para montar seu planejamento e gestão de estoques, vamos ajudá-lo a esclarecer as 3 formas mais comuns de manter seu estoque: Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping.

Modelo tradicional

É o método mais comum. Utilizado em geral por quem possui um fluxo recorrente de pedidos e já consegue prever as vendas. Este modelo exige que você acompanhe de perto seu estoque e possua um espaço físico para armazenar as mercadorias.

Esta alternativa permite um controle maior e velocidade na entrega dos pedidos. O ponto negativo é que se não for bem gerenciado pode resultar em mercadorias paradas nas prateleiras. Ou ainda pior, mercadorias que acabam estragando ou ficando avariadas. Isto pode refletir em perdas financeiras.

Então, ao optar por este modelo, procure manter uma planilha diária atualizada. Defina um limite de tempo para seus produtos permanecerem em estoque. Caso não sejam vendidos neste período procure fazer promoções ou criar kits de produtos, mesclando estes itens com itens mais vendidos.

Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping
Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping: Modelo tradicional

Modelo compartilhado

Este modelo é adequado para quem possui loja física e virtual. Ele permite que você mantenha o mesmo estoque para ambas as forças de vendas. Embora o estoque permaneça na loja física e num primeiro momento pareça ser igual ao modelo tradicional, existem algumas diferenças importantes.

E o ponto chave a ser destacado é que o estoque compartilhado deve de alguma forma ser controlado de forma unificada. Por que? Simples… as lojas são dinâmicas e podem acabar vendendo produtos simultaneamente. Por exemplo, a loja virtual vende o último par de sapatos. Porém como o estoque está na loja física e os sistemas não são integrados, enquanto o pedido está sendo processado na loja virtual, um cliente chega na loja física, experimenta este mesmo produto e o leva para casa. Bingo!! Quando o pedido da loja virtual cair para separação, não haverá mais em estoque 🙁

Parece complexo né?! Mas hoje em dia é simples de resolver isto. Basta você utilizar um bom ERP integrado na loja virtual. Aqui na RSWA temos inúmeros casos de empresas que trabalham assim sem problemas. E a primeira vez que escutamos isto parece tudo muito caro! Mas não é… a integração do Bling ERP com a loja da RSWA custa R$ 50,00 e faz tudo isto e muito mais 🙂

Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping
Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping: Modelo compartilhado

DropShipping

Este é um modelo onde a empresa possui estoques mínimos (ou até não possui) dos produtos. Mas ela consegue um bom fluxo de vendas mantendo uma relação próxima com fornecedores e parceiros.

É um modelo mais desafiador, porém se bem organizado pode aumentar suas margens de lucro. Você diminui custos com armazenamento e pessoal e diminui a quase zero as chances da mercadoria ficar parada.

Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping
Estoque tradicional, compartilhado ou dropshipping: Modelo dropshipping

Conclusão

O planejamento do seu estoque não se limita a escolher um destes modelos. O ideal é ir estudando e analisando qual melhor se adapta a você. É muito comum também o lojista fazer uma abordagem híbrida. Ou seja, variar o tipo de estoque de acordo com o momento ou com o tipo de produto.

Enfim, o ideal é iniciar e ficar atento aos detalhes. Sempre verificando onde estão os maiores custos de logística. E com isto, bolar estratégias para fazer um bom giro de pedidos, não deixando nada parado por muito tempo nas suas prateleiras 🙂

E se quiser receber dicas semanais para a sua loja virtual, clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *