Pixi.

Pixi is a creative multi-concept WordPress theme will help business owners create awesome websites.

Address: 121 King St, Dameitta, Egypt
Phone: +25-506-345-72
Email: [email protected]

Minha loja virtual na Amazon em 2021

  • Por Josele Delazeri
  • 9 de abril de 2021
  • 0 Comentários
  • 37 Visualizações

 

Minha loja virtual na Amazon

O que é e-commerce?

Primeiramente, o e-commerce refere-se à compra e venda de bens ou serviços pela internet.

Bem como, à transferência de dinheiro e dados para a execução dessas transações. 

Sobretudo o e-commerce costuma ser usado para se referir à venda de produtos físicos online.

Mas, também pode descrever qualquer tipo de transação comercial facilitada pela Internet.

Acima de tudo, fica claro que a natureza altamente competitiva do e-commerce continuará mudando o setor de varejo.

Principalmente, influenciará o comportamento dos clientes. 

Visto que, o e-commerce oferece aos vendedores um alcance global. 

Portanto, remove a barreira do lugar (geográfica). 

Agora, vendedores e compradores podem se reunir no mundo virtual, sem o impedimento de localização.

Então, começar um negócio online hoje em dia parece uma ideia atraente para muitos empreendedores experientes.

Mas, antes de mergulhar neste setor de negócios dinâmico.

Busque conhecimento

Sempre busque conhecimento.

Conforme,  com o nosso know how identificamos que o diferencial de quem tem sucesso na sua loja  virtual, é o conhecimento aplicado.

Logo, para ter a sua loja virtual é muito importante contratar uma plataforma de e-commerce.

Igualmente, é importante que a plataforma não cobre taxa de adesão, nem comissões sobre as vendas.

Assim, com a plataforma certa, você não precisa saber programação.

Pois, entregará a loja pronta para você! Isso mesmo. 

Enfim, é importante uma reunião para definir o layout da loja.

Em seguida, quando você receber ela já terá todos os meios de pagamentos e as soluções de frete já conectadas.

O que é marketplace?

Conforme, o marketplace é uma plataforma que conecta oferta e demanda de produtos ou serviços. 

Ou seja, ela reúne vendedores ou prestadores de serviço em um só ambiente online. 

Em síntese, um marketplace funciona como um shopping virtual.

Consequentemente, sem dúvidas, a maior vantagem do marketplace é a visibilidade. 

Deste modo, quanto maior a quantidade de visitas que o site possui, mais sólido será o público atingido. 

Diante disso, elimina a necessidade de investimento de tempo e dinheiro para a divulgação. 

Em suma, um bom exemplo disso, é a Amazon, ele é acessado por milhões de usuários diariamente.

Além disso, uma vez que seu produto está na vitrine dos maiores e-commerces, maior a confiança dos clientes para comprá-lo, mesmo que a sua marca ainda seja nova. 

Em síntese, o site é a porta de entrada e uma vez gerando confiança ao consumidor, ganha credibilidade no mercado. 

Portanto, isso subentendo-se que todos os produtos nele comercializados são de confiança e qualidade.

Com isso, você deve levar esses clientes para conhecerem a sua loja virtual também.

Hub de integração

Deste modo, o hub está centrado nos marketplaces. 

De fato, ele possibilita atividades como cadastramento de produtos nos marketplaces, controle de estoque e gestão de pedidos, entre outras.

Portanto, quando você utiliza um Hub de Integração para vender os seus produtos nos mais diversos Marketplaces.

Logo, você está gerando resultados financeiros e ganho de tempo. 

Além, de ter a integração com a sua loja virtual.

Enfim, essa ferramenta é fundamental para o crescimento sustentável do seu negócio.

Além, de integrar a sua loja virtual com os marketplaces.

Como vender no marketplace Amazon

Primeiramente, documentos necessários.

Assim, para o processo de registro: nome do titular da conta, e-mail e número de celular.

Também informação de sua empresa: razão social, ou nome da pessoa física titular da conta, endereço comercial.

Bem como, nome fantasia. Este será o nome de sua loja online na Amazon. 

Enfim, conta bancária, na qual a Amazon depositará os pagamentos das suas vendas. 

Logo, cartão de crédito ou débito do titular da conta. 

Conforme, após três meses será cobrada neste cartão a primeira mensalidade (R$19,90). 

Depois disso, a mensalidade será debitada automaticamente dos seus ganhos por venda. 

Portanto, para a verificação de identidade: documento original escaneado colorido do titular da conta.

Inclusive, pode ser: RG, passaporte, carteira de motorista, CPF ou CNPJ. 

Além disso,  comprovação dos dados bancários (máximo de 3 meses anteriores). 

Certamente, deve coincidir com os dados bancários fornecidos no registro da conta. 

Portanto, o endereço deve coincidir com o endereço comercial fornecido no registro. 

Igualmente, deve informar o nome informado na Razão Social que foi fornecido no registro.

Logo, para saber sobre preenchimento das informações, método de recebimento e depósito, comece a vender estão no link. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *